Situação e perspectivas no mercado de frango de corte

            A produção de carne de frango, em 2002, cresceu 11%, para 7,45 milhões de toneladas, sobre o ano anterior, acentuando sua trajetória ascendente e superando, pela primeira vez, a produção nacional de carne bovina. As exportações brasileiras atingiram 1,6 milhão de toneladas, volume 28% superior ao verificado em 2001, cujo crescimento já fora de 38%. No primeiro trimestre de 2003, o volume exportado atinge quase um terço do total do ano anterior (com excelente desempenho), muito embora o preço no mercado externo tenha caído para US$ 769,00/t, em média para o período, e para o mix exportado, o que resulta em preço médio de R$ 2.676,00/t ao câmbio médio de R$ 3,48 por dólar. Abrem possibilidades inesperadas de demandas adicionais para o Brasil e pode vir a ocorrer também uma recuperação do preço do frango no mercado internacional, devido ao surgimento de focos da doença influenza aviária na Bélgica, que já atingiu criações na Holanda e na Alemanha. Contudo, se o aumento esperado de 10% nas exportações este ano não for superado, a produção dificilmente crescerá os 8% previstos pelas entidades do setor.

Data de Publicação: 31/07/2003

Autor(es): Sônia Santana Martins (soniasm@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor

 

 

 


Governo do Estado de SP