Volume de comércio internacional paulista atingiu US$ 43,38 bi em 2003

            O volume de comércio internacional paulista fechou o ano de 2003 em US$ 43,38 bilhões, quase um terço dos US$ 121,34 bilhões movimentados pelo País entre exportações e importações. São Paulo vendeu ao exterior US$ 23,07 bilhões e importou US$ 20,31 bilhões, com saldo na balança comercial de US$ 2,76 bilhões (mais de 10 vezes o montante de 2002 que foi de US$ 270,84 milhões). Este é o segundo ano consecutivo que o Estado obtém superávit externo, interrompendo a sequência de déficits na balança comercial entre 1994 e 2001.
            A informação é do Instituto de Economia Agrícola (IEA-Apta), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, que acaba de concluir estudo nesse sentido. Já o volume de comércio internacional do agronegócio paulista totalizou US$ 10,84 bilhões, em comparação com os US$ 40,94 bilhões em negócios externos do setor em nível nacional. São Paulo exportou US$ 7,67 bilhões (acréscimo de 17,3% sobre o ano anterior), enquanto as importações atingiram US$ 3,17 bilhões (aumento de 4,8%). O saldo comercial com outros países foi positivo em US$ 4,50 bilhões (28% a mais do que o de 2002).
            Os principais agregados de cadeias de produção nas exportações do agronegócio paulista, em 2003, foram bovinos (US$ 1,61 bilhão); cana e sacarídeas (US$ 1,52 bilhão); frutas (US$ 1,29 bilhão), especialmente suco de laranja (US$ 1,22 bilhão); produtos florestais (US$ 1,10 bilhão) e cereais / leguminosas / oleaginosas (US$ 470 milhões).
            Para ver o estudo completo (artigo e tabelas), clique aqui.

José Venâncio de Resende
venancio@iea.sp.gov.br

Data de Publicação: 23/01/2004

Autor(es): José Venâncio De Resende (venancio@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor