Balança comercial: saldo do agronegócio paulista cresce 45,9% no trimestre

            As exportações do agronegócio paulista cresceram 28,1%, para US$ 2,46 bilhões, no primeiro trimestre de 2005. Como as importações aumentaram apenas 4,8%, para US$ 870 milhões, o saldo comercial do setor foi de US$ 1,59 bilhão, 45,9% superior ao do mesmo período do ano passado.
            Estudo de pesquisadores do Instituto de Economia Agrícola (IEA-Apta), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, mostra que o desempenho do agronegócio continua fundamental para o resultado do comércio exterior paulista, que fechou o primeiro trimestre do ano com déficit de US$ 410 milhões devido ao crescimento de 12,6% nas importações totais.
            O fluxo de comércio de São Paulo com outros países foi de US$ 14,80 bilhões nos primeiros três meses do ano, fruto das exportações de US$ 7,99 bilhões (32,7% do total nacional) e das importações de US$ 6,81 bilhões (42,2% do total nacional). 'Este resultado consolida a tendência de superávits consecutivos e crescentes que interromperam a seqüência de déficits observados na balança comercial paulista até recentemente', afirmam os técnicos do IEA.
            Para ver a íntegra do estudo e todas as tabelas, clique aqui.
 
 
 
 
 
 

Data de Publicação: 27/04/2005

Autor(es): José Venâncio De Resende (venancio@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor