Barreiras técnicas à exportação de álcool, em palestra no IEA

            As barreiras técnicas à exportação de álcool combustível serão o tema da palestra do pesquisador do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), Eduardo Luiz Machado, no dia 21 de outubro, às 14 horas, no auditório do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.
            Machado é especialista em agronegócios, defesa da concorrência e antitruste. Engenheiro civil pela Escola Politécnica da USP, é doutor em Economia pela Faculdade de Economia e Administração da USP. Foi visiting scholar na Universidade de Wageningen (Holanda) e professor do curso de Economia da FEA/USP.
Com o processo de globalização da economia mundial, observou-se uma tendência de diminuição das barreiras tarifárias e, paralelamente, do crescimento do número de barreiras não-tarifárias (BNT), entre as quais estão inseridas as barreiras técnicas (BT), constata o pesquisador.
            'A importância crescente das BNT nos fluxos internacionais de comércio levou à negociação de acordos específicos no âmbito do General Agreement of Trade and Tariffs (GATT). Assim, novos instrumentos foram criados para restringir as exportações dos países em desenvolvimento, notadamente restrições de ordem técnica e sanitária, envolvendo aspectos relacionados à qualidade dos produtos e à proteção do meio ambiente, entre outros', diz o especialista.
            Por isso, Machado faz uma análise prospectiva quanto ao impacto sobre o mercado paulista de álcool combustível de barreiras técnicas (BTs) que possam vir a ser adotadas por países importadores. Esta análise procurará identificar BTs que deverão afetar de maneira mais expressiva as exportações brasileiras do produto.
            O auditório do IEA fica na Avenida Miguel Stéfano, 3900 - Água Funda - cidade de São Paulo. Mais informações podem ser obtidas no Centro de Comunicação para a Transferência do Conhecimento (CCTC) pelo telefone (11) 5067-0529.

Data de Publicação: 19/10/2005

Autor(es): José Venâncio De Resende (venancio@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor