Agronegócio: aumenta a participação de SP nas exportações brasileiras

            As exportações do agronegócio paulista, que atingiram o valor de US$ 11,75 bilhões em 2005, representaram cerca de 25,38% das vendas externas brasileiras do setor, o que significa 1,19 ponto percentual a mais do que a participação do Estado em 2004, segundo estudo de pesquisadores do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA) da Secretaria de Agricultura e Abastecimento. Já as importações paulistas, de US$ 3,78 bilhões, corresponderam a 37,5% das compras do setor no mercado internacional, com queda de 0,69 ponto percentual na participação nacional em relação ao ano anterior. 
            A balança comercial do agronegócio paulista obteve saldo de US$ 7,97 bilhões, garantindo mais uma vez o superávit do comércio exterior paulista. As exportações totais do Estado somaram US$ 38,01 bilhões e as importações, US$ 30,49 bilhões, com saldo comercial de US$ 7,52 bilhões (91,41% superior ao de 2004). A corrente de comércio (exportações + importações) de São Paulo foi de US$ 68,5 bilhões, ou seja, mais de um terço dos 191,86 bilhões do fluxo comercial brasileiro.
            Os produtos processados representaram 76,9% do valor das exportações do agronegócio paulista. Este percentual é superior ao nacional (52,7% corresponderam a produtos industrializados ), o que significa índices superiores de agregação de valor.
            Para ver a íntegra do estudo,  clique aqui.

Data de Publicação: 16/01/2006

Autor(es): José Venâncio De Resende (venancio@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor