Futuro da OMC pós-Cancún será debatido no IEA

            O futuro da Organização Mundial do Comércio (OMC) pós-Cancún será tema de palestra do diretor executivo do Instituto de Estudos do Comércio e Negociações Internacionais (ICONE), André Meloni Nassar, no próximo dia 8 de outubro, às 14 horas, na sede do Instituto de Economia Agrícola (IEA-Apta), na capital paulista. A palestra será na sala de reuniões do IEA, prédio da Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo, localizado à Avenida Miguel Stéfano, 3900, Água Funda.
            Informações sobre os desdobramentos da reunião de Cancún, como parte da Rodada de Doha, Catar, da OMC, podem ser encontradas no artigo 'Cancún: Rodada do amadurecimento', da pesquisadora do IEA Valquiria da Silva, que acaba de ser disponibilizado neste site. 'Se a reunião (de Cancún) pode ser considerada 'fracassada', quanto aos avanços que seriam esperados para a conclusão da Rodada, ao mesmo tempo, esta representou uma vitória para os países com, até então, menor poder de força relativa', diz um trecho do artigo.
            Assim, 'espera-se que um acordo satisfatório sobre agricultura seja assinado ainda como parte da Rodada de Doha' - comenta Valquiria - já que nova reunião foi agendada para 15 de dezembro de 2003.
            Para acessar a íntegra do artigo 'Cancún: a Rodada do amadurecimento', clique aqui.

José Venâncio de Resende
venancio@iea.sp.gov.br

Data de Publicação: 03/10/2003

Autor(es): José Venâncio De Resende (venancio@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor