Análise do poder aquisitivo dos produtores de milho para compra de defensivos agrícolas, estado de São Paulo

RESUMO:

O objetivo do trabalho foi analisar o poder aquisitivo dos produtores de milho, através das relações de troca entre os preços de uma cesta de defensivos mais frequentemente usados e os preços recebidos pelos agricultores no Estado de São Paulo, no período de janeiro de 2001 a abril de 2004. Os herbicidas foram responsáveis pela maior parte da quantidade de defensivos utilizados na cultura do milho. Verificou-se melhoria do poder de compra do agricultor paulista para aquisição de defensivos, principalmente no período de agosto de 2002 a abril de 2003.

'Trabalho apresentado na 17º Reunião do Instituto Biológico - 17ºRAIB, realizada no Instituto Biológico, cidade de São Paulo, no período de 08 a 12 de novembro de 2004'

Data de Publicação: 12/11/2004

Autor(es): Maria de Lourdes Barros Camargo (mlcamargo@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Marisa Zeferino (marisa.zeferino@sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira Consulte outros textos deste autor
Benedito Barbosa de Freitas (bfreitas@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
José Alberto Angelo (jose.angelo@sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor

 

 

 


Governo do Estado de SP