Pesquisa de trabalho por autores

A busca resultou em 25 resultados. Exibindo de 1 a 10.
Início ]
Anterior ]
Próximo ]
Último ]
 
1 - Artigo
.Data Publicação: 28/07/2016
.Título: Levantamento de Preços, Análise do Mercado e Relação de Troca entre Defensivos Agrícolas Versus Produtos Agrícolas, Estado de São Paulo
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, José Alberto Angelo, Vagner Azarias Martins, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:

.
2 - Artigo
.Data Publicação: 08/08/2014
.Título: Defensivos Agrícolas: comercialização recorde em 2013 e expectativas de acréscimo nas vendas em 2014
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:
Em 2013, as quantidades totais vendidas de defensivos agrícolas no Brasil aumentaram quando comparadas com aquelas contabilizadas no ano anterior. Observou-se que, em termos de produto comercial, foi transacionada quantidade recorde de 902.408 toneladas (acréscimo de 9,6% em relação a 2012), correspondendo a 367.778 toneladas de princípio ativo (incremento de 6,1%), de acordo com dados do Sindicato Nacional da

.
3 - Artigo
.Data Publicação: 25/07/2013
.Título: Defensivos Agrícolas: vendas batem novo recorde em 2012 e segue em ritmo forte em 2013
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Maria de Lourdes Barros Camargo, Celso Luís Rodrigues Vegro
.Resumo:
Em 2012, as quantidades totais vendidas de defensivos agrícolas no Brasil cresceram quando comparadas com aquelas contabilizadas no ano anterior. Observou-se que, em termos de produto comercial, foram transacionadas 823.226 t (acréscimo de 12,7% em relação a 2011), correspondendo a 346.583 t de princípio ativo (incremento de 0,5%), de acordo com dados do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Agrícola (SINDAG) (Figura 1).

.
4 - Artigo
.Data Publicação: 04/07/2012
.Título: Defensivos Agrícolas: comercialização recorde em 2011 e expectativas de acréscimo nas vendas em 2012
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Maria de Lourdes Barros Camargo, Celso Luís Rodrigues Vegro
.Resumo:
              Em 2011, as quantidades totais vendidas de defensivos agrícolas no Brasil aumentaram quando comparadas com as do ano anterior. Observou-se que, em termos de produto comercial, foram transacionadas 826.683 t (acréscimo de 4,9% em relação a 2010), correspondendo a 352.048 t de princípio ativo (incremento de 2,8%), de acordo com dados do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Agrícola (S

.
5 - Artigo
.Data Publicação: 01/08/2011
.Título: Defensivos Agrícolas: desempenho recorde em 2010 e expectativas de aumento nas vendas em 2011
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:
                Em 2010, as quantidades totais vendidas de defensivos agrícolas no Brasil mostraram expansão quando comparadas com as do ano anterior. Verificou-se que, em termos de produto comercial, foi comercializada a quantidade recorde de 790.790 t (acréscimo de 9,0% em relação a 2009), correspondendo a 342.593 t de princípio ativo (incremento de 2,0%, no período), de acordo com dados do Sindicato Naci

.
6 - Artigo
.Data Publicação: 29/07/2010
.Título: Defensivos Agrícolas: expectativas de aumento nas vendas em 2010
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:
            Em 2009, as quantidades totais vendidas de defensivos agrícolas no Brasil apresentaram expansão quando comparadas com o ano anterior. Observou-se que, em termos de produto comercial, foram comercializadas 725.577 t (acréscimo de 7,7% em relação a 2008), correspondendo a 335.816 t de princípio ativo (incremento de 7,4%, no período), de acordo com dados do Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Agrícola (S

.
7 - Artigo
.Data Publicação: 14/02/2008
.Título: Defensivos Agrícolas: rumo a uma retomada sustentável
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:
            Com a recuperação das cotações internacionais dos grãos e fibras, associada à expansão mundial de etanol em 2007, mesmo levando em conta o grande endividamento ainda existente no setor agropecuário brasileiro e a valorização do real diante do dólar, prejudicando as exportações, o setor de defensivos agrícolas em 2007 apresentou um bom desempenho comercial.      &n

.
8 - Artigo
.Data Publicação: 11/07/2007
.Título: Defensivos Agrícolas: expectativa de aumento da demanda em 2007
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Celso Luís Rodrigues Vegro, Maria de Lourdes Barros Camargo
.Resumo:
            Com a recuperação das cotações internacionais dos grãos e fibras, associada à expansão mundial de etanol em 2007, mesmo levando em conta: o grande endividamento ainda existente no setor agropecuário brasileiro e a valorização do real diante do dólar prejudicando as exportações, o setor de defensivos agrícolas iniciou o ano com o mercado francamente demandante. No primeiro trimestre de 2007, constatou-s

.
9 - Artigo
.Data Publicação: 22/03/2007
.Título: Defensivos agrícolas: preços continuam em queda
.Autor: Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, Maria de Lourdes Barros Camargo, José Alberto Angelo, Benedito Barbosa de Freitas, Paulo José Coelho, Talita Tavares Ferreira
.Resumo:
           Os principais defensivos agrícolas comercializados no Estado de São Paulo apresentaram queda generalizada nos preços em janeiro de 2007, nas regiões analisadas, quando comparado com janeiro de 2006. Esse comportamento foi verificado em todas as classes estudadas: inseticidas, acaricidas, fungicidas, reguladores de crescimento e herbicidas (tabelas 1 a 5 ).1 Dentre os fatores

.
10 - Artigo
.Data Publicação: 20/11/2006
.Título: Dispêndio com acaricidas na citricultura, Brasil e Estado de São Paulo
.Autor: Maria de Lourdes Barros Camargo, Célia Regina Roncato Penteado Tavares Ferreira, José Alberto Angelo, Benedito Barbosa de Freitas, Talita Tavares Ferreira
.Resumo:
            A comercialização de acaricidas no País movimentou US$82,8 milhões em 2005, valor 6,2% superior, em termos nominais, ao registrado em 2004 (US$78,0 milhões).             O consumo de acaricidas no Brasil está concentrado quase na sua totalidade em São Paulo. Em 2005, o Estado respondeu por 83,7% das vendas brasileiras em quantidade de produto comercial e

.
 
Início ]
Anterior ]
Próximo ]
Último ]