voltar s






Modelo De Previsão Para Área Plantada Com Amendoim Das Águas No Estado De São Paulo

         Este trabalho consiste na construção de um modelo de previsão para a área plantada com amendoim na safra das águas no Estado de São Paulo, utilizando-se os dados referentes ao período 1970-2001, do Instituto de Economia Agrícola (IEA), e os volumes de crédito de custeio concedidos para a cultura, divulgados no Anuário Estatístico do Crédito Rural, do Banco Central. Utilizaram-se os testes de raiz unitária ADF, de co-integração de Johansen e o modelo Vetorial de Correção de Erro (VEC), que previu a área a ser plantada com amendoim na safra 2002/03. O teste de desigualdade U de Theil foi aplicado para verificar a adequação do modelo de previsão formulado. Os resultados obtidos no teste de validade do modelo elaborado demonstraram que o ideal de perfeição não foi atingido, pois as proporções tanto do viés de médias quanto do viés de variância estão relativamente distantes de zero, e a proporção da correlação imperfeita está relativamente distante de um. Possivelmente, esses problemas estão relacionados ao longo período de análise e ao pequeno número de observações. No entanto, o índice de desigualdade de Theil mostrou que o modelo de previsão é satisfatório e indica que na safra das águas 2002/03 a área plantada será 51.474 hectares.

 

enviar Envie este texto por email


Data de Publicação: 27/02/2003
Autor(es): Silene Maria de Freitas (silene@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Mario Antonio Margarido (mamargarido@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Afonso Negri Neto (afonsonegri@yahoo.com.br) Consulte outros textos deste autor