CARACTERIZAÇÃO DA PRODUÇÃO DE COFFEA ARABICA E POSSIBILIDADE DE CULTIVO DE COFFEACANEPHORA NA REGIÃO OESTE DO ESTADO DE SÃO PAULO

RESUMO: No Estado de São Paulo, há uma longa tradição na produção do café arábica. Ainda que essa lavoura venha sendo paulatinamente substituída por outras alternativas produtivas, mantém-se bastante relevante sua participação na formação da renda da agropecuária paulista. Diversos fatores motivaram o abandono da cafeicultura por parte dos produtores, que poderia ter sido arrefecido com o incentivo ao plantio do café robusta nas áreas atualmente consideradas marginais para o cultivo do arábica. Com base nessa hipótese e conhecendo a enorme demanda existente pelo produto, este estudo pretendeu cotejar informações sócio-econômicas e custos dos dois cultivos na região da Alta Paulista. Os resultados obtidos confirmaram a hipótese de viabilidade agronômica e, sobretudo, econômica das lavouras de robusta, recomendando-se que sejam destinados recursos e esforços para que essa lavoura constitua-se em mais uma alternativa para a região estudada.

Palavras chave: café robusta, indicadores sócio-econômicos do café, robusta em São Paulo.

Data de Publicação: 29/08/2008

Autor(es): Flávia Maria De Mello Bliska (bliska@iac.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor
Sérgio Pereira Parreiras Consulte outros textos deste autor
Gerson Silva Giomo Consulte outros textos deste autor
Celso Luís Rodrigues Vegro (celvegro@iea.sp.gov.br) Consulte outros textos deste autor